Tools

A UEM manteve a 20ª posição nacional na publicações de artigos científicos, em 2007, conforme o ranking divulgado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), órgão do Ministério da Educação.

Segundo o levantamento, a UEM publicou 272 artigos no ano passado. A Universidade de São Paulo (USP) foi a instituição brasileira que mais publicou: 4.804. Em segundo lugar, ficou a Unicamp, com 1.743 artigos, seguida pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), com 1.516 publicações.

Segundo o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação, Nilson Evelázio de Souza, a classificação da UEM é boa e ele acredita que este ano esta posição no ranking irá melhorar, pois, pelos dados da base de dados ISI (Instituto de Informação Científica), até o mês passado a instituição já tinha 209 artigos publicados.

Souza assinala que quase 100% das publicações são geradas na pós-graduação e, por isso, para que, no futuro, a UEM possa manter a boa colocação no ranking, terá que fazer esforços para criação de mais cursos de pós-graduação, aumentar o número de bolsas de iniciação cientifica e aumentar a participação de mais departamentos neste processo.

Essa política de inclusão de departamentos no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Cientifica (Pibic) já foi adotada pela PPG para o período 2008-2009. Com isso, todos os departamentos da universidade passam a contar com bolsistas de iniciação científica.

Segundo o pró-reitor, esta é uma forma de instigar a produção cientifica em todos os departamentos e gerar um desenvolvimento cientifico que culmine com a criação de um curso de pós-graduação.