Tools

O reitor Décio Sperandio entregou nesta sexta-feira (18), outros três laboratórios de informática. Desta vez, foram beneficiados cursos de Engenharia Civil, Engenharia Química e de Estatística (foto). Cada um recebeu 30 computadores destinados a uso dos acadêmicos dos cursos de graduação. 

Sperandio ressaltou que a Universidade precisa de ações que apóiem a entrada dos jovens na universidade, que os mantenham nas salas de aula e que dêem condições para que encontrem oportunidades no mercado de trabalho.

“Criamos a entrada por cotas, o Processo de Avaliação Seriada, no qual o vestibular começa no primeiro ano do ensino médio, facilitando o acesso à UEM. Lançamos o Programa Conexão, que tem como objetivo manter o nosso egresso ligado à Universidade. E estamos realizando várias iniciativas para dar as melhores condições de ensino. Uma delas é a estruturação destes laboratórios dirigidos aos alunos. Mas, também, podemos citar o Programa Pró-Note, que oferece a professores, alunos e técnico-administrativos da UEM a oportunidade de comprarem notebooks a preço mais acessível e aproveitarem a estrutura wireless da UEM”, completou o reitor.

Os computadores que compõem os laboratórios foram adquiridos com recursos do Programa Universidade em Movimento, da Secretaria Estadual de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti). Cerca de R$ 14 milhões foram aplicados em obras, veículos, equipamentos e computadores.

O diretor do Centro de Tecnologia, Mauro Antônio da Silva Ravagnani, destacou o papel importante das coordenações dos cursos no processo de implantação dos laboratórios nos cursos de Engenharia Civil (foto) e Engenharia Química e aproveitou à ocasião para agradecer a construção do prédio do novo prédio do DEQ e solicitar uma atenção especial à necessidade de ampliação do espaço físico do C-67, que já não comporta mais o curso de Engenharia Civil. “Nossos cursos estão aqui desde 72 e para mantermos nossa excelência é essencial pensarmos nas condições dos cursos de graduação. Sabemos que este foco é importante para continuarmos a formar excelentes profissionais e sermos referência nacional”. Ratificando o pedido de ampliação do espaço físico, o coordenador do curso de Engenharia Civil, Antônio Belincanta, entregou um documento ao reitor. “Os computadores são fundamentais para dar conta do nosso processo didático, que prepara 430 alunos para o mercado de trabalho. Mas, deixamos registrada a nossa solicitação de ampliação da estrutura física registrada”, acrescentou o professor.

O chefe do Departamento de Engenharia Química (DEQ), Nehemias Curvelo, deixou registrado que os computadores chegaram na hora certa. “Temos nossos professores que conseguem captar recursos e apoiar à pós-graduação. Mas para a graduação o processo é mais complicado. A professora Onélia e os alunos conseguiram compor quase 70% de outro laboratório utilizado para a graduação e, agora, com a chegada destas 30 máquinas, podemos dizer que não existe mais nenhum equipamento sucateado no DEQ. E temos dois laboratórios novos para atender aos alunos”.

Representando os acadêmicos, o coordenador geral do Diretório Central dos Estudantes (DCE), Bruno Henrique da Silva, reforçou a importância de computadores para o ensino. E enfatizou a função do DCE como fiscalizador no processo de implantação dos laboratórios. “Viemos aqui para testemunhar a inauguração destes laboratórios, porém sem esquecermos que a nossa função é fiscalizar se os laboratórios estão sendo realmente utilizados pelos alunos da graduação. E ainda pedimos ajuda aos departamentos para conquistarmos, em 2010, quando a UEM faz 40 e o DCE faz 30 anos, a inauguração da Casa do Estudante”.   

A vice-diretora do Centro de Ciências Exatas (CCE), Valéria Domingos Cavalcanti, disse que esta administração vem oferecendo uma atenção ao Departamento de Estatística benefícios e os outros cursos do CCE, que ela não viu nos últimos 20 anos. “Com isso, tenho certeza que, muito em breve, estaremos conquistando o início do nosso programa de pós-graduação”.

A solenidade reuniu, ainda, entre outras autoridades, o chefe de Gabinete da Reitoria, Júlio Santiago Prates Filho; o assessor de Planejamento, Paulo Rosa; coordenadores dos cursos beneficiados e chefes de departamentos.