Tools

luis fernando cerri 2

Objetivo é mostrar a inserção do Departamento de História da UEM enquanto produtor de conhecimento e formador de professores nos últimos 50 anos

Para celebrar os 50 anos do curso, o Departamento de História (DHI), da Universidade Estadual de Maringá, promoverá, a partir de hoje (4) à noite, no bloco G-34, um ciclo de palestras com professores de várias instituições de ensino superior. A maioria dos conferencistas são ex-alunos e ex-docentes de História da UEM.

O professor Luis Fernando Cerri (foto), da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG), fala, hoje, às 19h30, sobre "50 anos de debate sobre o ensino de história: quais mudanças", dando início ao ciclo de conferência.

No dia 28 de setembro, o professor Deivid Valério Gaia, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), fará palestra sobre "A UEM e a minha formação como historiador - quem cala consente?: um estudo sobre corrupção no final da República Romana, o caso de Salamina de Chipre". Gaia é ex-aluno do curso.

No dia 4 de outubro, a professora Isabela Candeloro Campoi, da Universidade Estadual do Paraná (Unespar), vai falar sobre "Paixão e oportunidade: o curso de História e o DHI na minha trajetória". Isabela também cursou História na UEM.

No dia 9 de novembro, a professora Silvia Helena Zaniratto, da Universidade de São Paulo (USP), fará palestra "A participação da historiografia da UEM no último quartel do século XX". Silvia foi professora do DHI.

No dia 27, encerrando o ciclo, o professor Alexandre Busko Valim, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), vai falar sobre "Cinema e história: relatos sobre uma trajetória acadêmica". Valim é ex-aluno do curso.

Assim com a palestra de hoje à noite, as demais também terão início às 19h30, no bloco G-34, auditório do DTL (Departamento de Teorias Lingüísticas  Literárias), da UEM. 

A organização do evento é da professora Vanda Serafim, do DHI. Segundo ela, além das conferências haverá atividade cultural para comemorar os 50 anos do curso, ainda a ser definida.

Inserção

O curso de História foi criado, juntamente com a Faculdade Estadual de Filosofia, Ciências e Letras de Maringá, pela Lei 5.456, de 26 de dezembro de 1966, e reconhecido pelo decreto 70.156, de 17 de fevereiro de 1972. 

Além de celebrar os 50 anos do curso, o objetivo deste Ciclo é estabelecer discussões acadêmicas e culturais que marquem as comemorações do cinquentenário. 

A ideia é que as palestras com historiadores, abertas à comunidade acadêmica, apresentem a inserção do DHI da UEM enquanto produtor de conhecimento e formador de professores nos últimos 50 anos.

As inscrições podem ser feitas no local da palestra, a partir das 18 horas. A carga horária total será de 24h. O evento é gratuito e apenas receberá certificado quem tiver a frequência mínima de 75%. Os alunos e alunas do curso de História foram liberados, em reunião do DHI, para participar das atividades do evento.