Tools

THE WUR GRANDE

A universidade obteve melhor pontuação em citações e no ambiente de ensino

A UEM é a sétima melhor universidade estadual pública do Brasil na mais nova avaliação da consultoria britânica Times Higher Education (THE), que divulgou, hoje (26), o World University Ranking 2019. 

A Universidade Estadual de Maringá fica atrás apenas da Universidade de São Paulo (USP) e das universidades estaduais de Campinas (Unicamp), Paulista (Unesp), Ceará (UECE), Londrina (UEL) e do Rio de Janeiro (UERJ).

Na comparação com o ano anterior, a UEM caiu apenas uma posição, uma vez que neste ano a Universidade Estadual do Ceará passou a figurar nas seis primeiras posições.

2018 09 04 Fachada da Reitoria com Ipe MG 8403

Além disso, a THE avaliou 1.200 instituições de ensino superior do mundo, de 86 países. Esta é a 15ª edição do ranking da consultoria britânica que levou em conta 13 indicadores, agrupados em cinco categorias: ambiente de ensino, inovação, internacionalização, pesquisa (volume, investimento e reputação) e citações (influência da pesquisa).

A categoria de indicadores na qual a instituição de Maringá teve mais destaque, com 34,9 pontos, é a das citações,  seguida pela do ambiente de ensino, com 20,8 pontos.

Ao todo, 36 universidades brasileiras constam na lista. No topo da lista, lideram as universidades britânicas de Oxford (1º lugar) e Cambridge (2º), seguida pela norte-americana Universidade de Stanford (3º lugar). Das dez primeiras posições, sete são norte-americanas e três são britânicas. A USP é a universidade latino-americana mais bem avaliada.  

 

uem tv