Tools

implante coclear

Atividades serão realizadas na Sociedade Médica de Maringá

Esse é o mês do combate à surdez. Por isso, o Hospital Universitário Regional de Maringá (HUM) vai promover o I Ciclo de Palestras do Serviço de Implante Coclear e o II Encontro de Pacientes Implantados do HUM. A programação será neste sábado (24), na Sociedade Médica de Maringá, das 8 às 12 horas.

No dia 10 de novembro, o Ministério da Saúde celebra o Dia Nacional da Surdez.  Neste período, todos os anos, o responsável pelo ambulatório de otorrinolaringologia do HUM, o professor do Departamento de Medicina da Universidade Estadual de Maringá (UEM), Jeferson Cedaro de Mendonça, realiza um trabalho de informação. Junto com o Instituto da Audição o médico orienta as pessoas sobre as causas, consequências, prevenção e tratamento da surdez.

Um dos trabalhos mais eficazes da equipe contra a surdez é o Serviço de Implante Coclear do HUM. O implante (foto acima) é um procedimento que coloca um dispositivo eletrônico no sistema auditivo, mais especificamente na cóclea, e tem como objetivo melhorar a qualidade de vida daquelas pessoas que possuem alguma deficiência ou determinados problemas de audição.

Para divulgar essa tecnologia, o doutor Jeferson e o Instituto da Audição estão convidando profissionais, pacientes, candidatos ao implante e familiares para o evento de sábado. O doutor Cedaro destacou que o objetivo é levar as pessoas a ficarem atentas aos sinais que podem comprometer a audição e levar à surdez. Além das doenças, como a meningite, as otites e o diabetes, o uso de fones de ouvido em volume alto, por exemplo, podem causar problemas.

“É preciso, então, ter atenção. Quando a criança tem dificuldades na escola, quando fala errado, trocando as letras, ou o adulto começa a perceber que está tendo dificuldade de entender o outro, precisa buscar ajuda, o apoio de um otorrino”, alertou o doutor. Além disso, segundo ele, eventos sobre o tema são uma oportunidade de as pessoas conhecerem pacientes que tiveram sucesso com o implante.

Os interessados em participar do Ciclo e do Encontro devem entrar em contato com Érica, no Instituto da Audição para fazer a inscrição. O telefone é o 3031-5065.