Tools

Damasceno trofeu

Julio Damasceno prometeu manter apoio à infra-estrutura do Departamento de Educação Física; veja as fotos

O reitor da Universidade Estadual de Maringá, Julio Damasceno, recebeu, ontem, em seu gabinete, técnicos, professores e atletas da instituição que participaram da 59ª edição dos Jogos Universitários do Paraná (JUPs), na qual a UEM foi a vice-campeã geral e a melhor classificada entre as universidades públicas do Estado. 

Damasceno viu os troféus e medalhas conquistados pela UEM na competição, disputada em Maringá no mês passado, e prometeu continuar apoiando o Departamento de Educação Física com o objetivo de melhorar a infra-estrutura do setor.

Entre as prioridades do DEF estão o término do ginásio do bloco M-15 (falta assentar o piso), a liberação de espaço no ginásio Brunão, a reforma das quadras descobertas e a construção de vestiários na pista de atletismo.

O Departamento de Educação Física manifestou também a preocupação de obter recursos visando treinar os atletas que irão disputar os Jogos Universitários Brasileiros (JUBs), de 20 a 27 de outubro, em Salvador, Bahia.

Compareceram à visita o diretor do Centro de Ciências da Saúde, Roberto Cuman; o chefe do DEF, Cláudio Kravchyhcyn; o responsável pela Coordenadoria de Desporto e Recreação (CDR), Alexandre Miyaki da Silveira; o coordenador-adjunto da CDR, Adolpho Amorim; e o assessor especial para a Promoção da Saúde, na UEM, Wilson Rinaldi.

2019 05 30 Entrega de Trofel do JUPS 0641

Ao conquistar o vice-campeonato no JUPs, de 17 a 23 de maio, a CDR lembrou que, apesar de todas as dificuldades, como precariedade de locais e horários para treinamento (muitas vezes os alunos treinavam após às 23 horas), falta de materiais, entre outros problemas, alunos, técnicos e professores superaram esses empecilhos e tiveram um excelente desempenho na competição. A Coordenadoria lamentou o fato de diversas Instituições privadas contratarem equipes de atletas profissionais para participarem dos jogos. 

"Isso, de certa forma, desvirtua a finalidade dos jogos de confraternizar e estimular o desenvolvimento técnico-desportivo das Instituições de Ensino Superior (IES) participantes. O que se percebe, é um desestímulo aos atletas universitários que realmente estão estudando e matriculados em seus cursos, pois dificilmente poderão disputar de forma igualitária com equipes profissionais", relata a coordenação da CDR.

A UEM foi campeã no vôlei de praia masculino; karatê feminino; melhor trabalho científico sobre esporte (Jup’s Acadêmico); vice-campeã no judô masculino e feminino; atletismo feminino; karatê feminino; vôlei masculino; e futsal masculino. Além disso, conquistou o terceiro lugar no atletismo masculino; basquete feminino; e-games Fifa masculino; handebol masculino; e natação masculino.

Na classificação geral, o Centro Universitário de Maringá (Unicesumar) ficou em primeiro lugar (294 pontos), a UEM em segundo (178 pontos); e a Universidade Estadual de Londrina (UEL) em terceiro (120 pontos).