Palestra Tragtemberg

Palestra, amanhã (25), ocorrerá num momento em que a UEM discute o assunto na instituição

O professor Marcelo Tragtenberg, da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), vai proferir, nesta quarta-feira (25), às 14 horas, no auditório do bloco C-34, câmpus da Universidade Estadual de Maringá (UEM), uma palestra sobre cotas raciais.

Com uma hora de duração, a conferência, aberta a todos os interessados, será direcionada aos membros da Câmara de Graduação do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEP) e também aos demais conselheiros.

A palestra, que vai anteceder a reunião do CEP, foi uma solicitação do coletivo Yalodê- Bada e do Núcleo de Estudos Interdisciplinares Afro-Brasileiros (Neiab), da UEM, ao reitor Julio Damasceno, para que os coordenadores tivessem informações qualificadas e experiências sobre a implantação de cotas raciais em universidades brasileiras.

Tragtenberg (foto abaixo) é estudioso no assunto e ajudou a implementar o sistema de cotas raciais na UFSC, na qual, além de docente, ainda é diretor de centro.

Marcelo Tragtenberg 1

A vinda dele é mais uma das ações do grupo denominado "Professores Pró Cotas Raciais na UEM", um grupo de docentes da Universidade Estadual de Maringá, criado em agosto, que está ocupando espaço em diversas instâncias de decisões colegiadas para explicar os motivos pelos quais considera urgente e necessária a ampliação das políticas afirmativas na instituição. A intenção é reforçar a defesa da causa, em tramitação no CEP.

Nesta semana, o grupo organizou um material explicativo sobre a questão das ações afirmativas nas universidades estaduais públicas do Paraná e em algumas que são referência no Brasil. O video pode ser visto aqui.

Os docentes integrantes do grupo são os professores Marivânia  Araújo, Carla Almeida, Hilton Costa, Simone Dourado, Meire Mathias e Zuleika de Paula Bueno (Departamento de Ciênciais Sociais/DCS), Isabel Cristina Rodrigues e Delton Aparecido Felipe e (Departamento de História/DHI) e Josiane Oliveira (Departamento de Administração).

As professoras ou professores que desejarem se somar ao grupo devem entrar em contato pelos e-mails "Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo." , "Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo." e "Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo." .