Tools

SInapse

Programa visa incentivar o empreendedorismo inovador; houve recorde de inscritos (*)

A Universidade Estadual de Maringá foi a terceira instituição de ensino superior do Estado com maior número de projetos aprovados para o Programa Sinapse da Inovação Paraná, ligado à Fundação Araucária.

A relação final dos 100 projetos selecionados por meio de Edital, na primeira seleção do Programa, foi divulgada no último dia 15 de outubro.

Seis projetos da UEM foram contemplados no Sinapse, um programa de incentivo ao empreendedorismo inovador que visa transformar ideias inovadoras em negócios de sucesso. 

Esta primeira edição bateu o recorde de inscrições recebidas, com 1851 propostas inovadoras. A Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR) conseguiu o maior número de aprovações, com 16 projetos, seguida da Universidade Federal do Paraná (UFPR), com 7. 

A Universidade Estadual de Londrina (UEL) e a Universidade Federal de Integração Latino-Americana (Unila) tiveram, cada uma, quatro projetos aprovados.

Quanto à temática dos projetos, destacam-se TI (Tecnologia da Informação) e Comunicação (24), Saúde e Bem-Estar (22) e Biotecnologia (21), seguidas das temáticas, Gestão (11), Químico e Materiais (10), Eletroeletrônica (5), Nanotecnologia (4) e Mecânica e Mecatrônica (3).

Durante a fase de submissão, foram mais de 6 mil usuários cadastrados na plataforma, oriundos de 265 municípios do estado, um envolvimento e representatividade de mais de 66% das cidades paranaenses. 

As 1851 ideias inovadoras obtidas na fase de inscrições foram avaliadas e 302 passaram para a segunda fase de seleção, submetendo o projeto de empreendimento, para que até 200 chegassem à terceira e última fase do processo.  

Por fim, concretizando a terceira e última etapa, as equipes submeteram o projeto de fomento e foram aprovados 100 projetos inovadores que receberão recursos financeiros em forma de subvenção econômica da Fundação Araucária e 6 meses de acompanhamento e suporte para o desenvolvimento do produto e modelo de negócio.  

empreendedorismo inovador

O programa está sendo executado pela Celepar (Companhia de Tecnologia da Informação e Comunicação do Paraná) e pela Fundação Araucária com o objetivo de fomentar a área da inovação por meio do empreendedorismo e a criação de novas empresas influenciando na economia e impactando no desenvolvimento regional. 

Diante deste contexto, há o estabelecimento de uma ponte entre a comunidade interessada em aplicar suas ideias inovadoras e a criação de novos negócios, propiciando um ambiente empreendedor e a cooperação entre os diferentes atores do processo de inovação.

Finalizado o processo de seleção do Sinapse, agora os 100 projetos selecionados receberão o aporte da Fundação Araucária de até R$ 40 mil em auxílio, além de capacitação e suporte para o desenvolvimento dos negócios.

Promovido pelo Governo do Estado por meio da Celepar e Fundação Araucária, o Sinapse da Inovação Paraná operado pela Fundação Certi e apoiado pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e Sistema Fiep (Federação das Indústrias do Estado do Paraná).

(*) Com informações da Assessoria de Imprensa da Fundação Araucária

uem tv